sábado, 1 de Novembro de 2014  03:39
PESQUISAR 
LÍNGUA  

Portal D'Aveiro

Mypiki | Happier Girls Publicidade Mypiki | Happier Girls

Inovanet

INQUÉRITO

O turismo é uma área de crescimento e de oportunidades, e este ano o concelho de Aveiro, registou um crescimento de 50 por cento no número de visitas! Acha que é uma percentagem notável para o concelho?

sim
não
sem opinião
» ver todos os inquéritos  

RECEITA SUGESTÃO

Nachos Olé

Nachos Olé

Prepare os Feijões Refritos.

Prepare as Batatinhas Fritas de Milho.

Pré-aqueça o forno à temperatura ...
» ver mais receitas


NOTÍCIAS

imprimir resumo
09-01-2007

Beira-Mar: Carvalhal despedido para dar lugar a Paco Soler


O espanhol Paco Soler é o novo treinador do Beira-Mar, substituindo Carlos Carvalhal, que apenas orientou a equipa em seis ocasiões. A troca ocorre à luz de uma parceria com a empresa espanhola Inverfutbol


Carlos Carvalhal já não é treinador do Beira-Mar. O jogo com o Santana, a contar para a Taça de Portugal, foi o último que o técnico orientou em Aveiro. A expressiva vitória por 6-0 diante do adversário da terceira divisão nacional de nada valeu ao homem escolhido pela direcção presidida por Artur Filipe para substituir Augusto Inácio, que em Novembro trocou o clube aveirense pelos gregos do Ionikos.
O espanhol Francisco (Paco) Soler é o novo treinador do emblema «auri-negro», no âmbito de uma parceria que o Beira-Mar celebrou com a empresa Inverfutbol, com sede em Espanha e ligada à intermediação de jogadores. Num comunicado divulgado no «site» oficial do clube na madrugada de domingo para segunda-feira, após uma reunião extraordinária da direcção, foi confirmada a rescisão do vínculo com Carlos Carvalhal «por mútuo acordo» e a entrada de Francisco Soler.
A saída do anterior técnico foi acordada numa reunião com Caetano Alves, presidente-adjunto do clube, realizada algumas horas depois do jogo com o Santana, disputado às 15 horas de domingo, no Estádio Municipal de Aveiro. Findo o desafio, Carlos Carvalhal disse desconhecer qualquer intenção da direcção de proceder a alterações na estrutura técnica da equipa, apesar de ter sido confrontado pelos jornalistas com a presença de Soler no estádio para assistir ao jogo. «É uma novidade em termos absolutos. Não estive a ver quem estava no estádio, não estou preocupado com isso», declarou.
O ex-técnico chegou a afirmar na tarde de domingo, no rescaldo do jogo para a Taça de Portugal, que seria treinador do clube a «curto, médio e longo prazo». Lembrando que tinha contrato até 2008, Carlos Carvalhal garantiu que a direcção nunca lhe falou na possibilidade de ser substituído. «Há dois minutos atrás estive a falar com responsáveis do clube sobre a possibilidade de reforçarmos o plantel», disse ainda nessa ocasião, poucas horas antes de lhe ser comunicada a dispensa.

Contradições

A troca de treinador contraria as declarações de Artur Filipe ao longo da semana passada. Ainda no sábado, o presidente do clube assegurou que Carlos Carvalhal iria permanecer em Aveiro, rotulando como «especulações» todas as notícias publicadas nos jornais acerca das modificações que estariam a ser preparadas.
No sábado, foi noticiado que dirigentes do Beira-Mar teriam estado reunidos com empresários espanhóis para negociar os termos da parceria, que implicaria a entrada de jogadores e a colocação de um treinador da confiança dos investidores. Mas o líder do clube assegurou que Carlos Carvalhal tinha o «lugar assegurado».
Fonte próxima do antigo técnico do clube referiu ontem ao Diário de Aveiro que Carlos Carvalhal foi «apanhado de surpresa» pela sua dispensa e que está «magoado» com o desfecho do processo. O treinador, de acordo com a mesma fonte, «não sabia de nada» acerca das negociações entre o Beira-Mar e a Inverfutbol.
Carlos Carvalhal sentia-se seguro como chefe da equipa técnica dos «auri-negros» até em função das declarações dos dirigentes do clube, entre eles José Cachide, responsável pelo departamento de futebol, que afirmou que iria «até ao fundo do poço» com o treinador. A mesma fonte admite que Cachide «não saberia» do possível despedimento de Carvalhal, que estava a trabalhar no sentido de reforçar o plantel, apesar das dificuldades financeiras dos aveirenses.
Carlos Carvalhal apenas orientou a equipa em seis jogos – cinco para o campeonato (dois empates e três derrotas) e um para a Taça. O Diário de Aveiro sabe que o acordo para a rescisão do contrato entre técnico e clube já está alinhavado, mas ainda não foi assinado, o que deverá acontecer hoje. Também para hoje Carlos Carvalhal poderá convocar uma conferência de imprensa para esclarecer a sua saída de Aveiro.

Antigo jogador

Segundo a direcção do Beira-Mar, a parceria com a Inverfutbol visa garantir o «fortalecimento estrutural, a curto e médio prazo» do clube. De acordo com o comunicado divulgado de madrugada, o acordo tem «reflexos» ao nível de «algumas mudanças na equipa profissional de futebol».
A Inverfutbol exerce a sua actividade como fundo de investimento em jogadores de futebol, pertencendo ao Grupo Cursach, com sede em Palma de Maiorca. Além de Francisco Soler, a empresa espanhola deverá colocar alguns jogadores no clube, com o objectivo de tentar evitar a descida de divisão - actualmente, os «auri-negros» são últimos classificados da liga, com apenas oito pontos em 14 jornadas.
A composição da equipa técnica também não está definida – Miguel Leal e Rifa, adjuntos de Carlos Carvalhal, deverão abandonar Aveiro, ao contrário do preparador físico Jorge Ramiro. Quanto a João Costeado - que desde a saída de Inácio para a Grécia se encarregava da observação dos adversários - «poderá ser repescado» para a equipa técnica, apurou o Diário de Aveiro junto de fonte do clube.
A apresentação de Francisco Soler ao plantel poderá ocorrer hoje, data prevista para o regresso dos jogadores ao trabalho depois da folga concedida ontem após a vitória para a Taça de Portugal. Francisco Soler Atencia é um antigo jogador do Maiorca, de Espanha, onde durante vários anos actuou como centrocampista. Nascido em Março de 1970 – completará 37 anos daqui a dois meses – o antigo futebolista de 1,70 metros conta no seu palmarés com uma Supertaça (1998) e uma Taça do Rei (2003). Nos últimos tempos, foi assessor do governo das Baleares para o Desporto, depois de ter sido treinador-adjunto do Maiorca. Soler - que está em Aveiro com a mulher - esteve reunido ontem de tarde com os dirigentes do emblema «auri-negro».
Entretanto, os últimos desenvolvimentos já motivaram a demissão de Nuno Quintaneiro Martins do Conselho Geral do Beira-Mar, um órgão consultivo do clube que «tem sido constantemente desprezado e que foi completamente ignorado pela direcção nesta parceria com a Inverfutbol». Contactado ontem, António Graça, presidente da Assembleia-Geral, disse não ter recebido qualquer pedido de demissão de membros que integram os corpos sociais.

Rui Cunha


ACESSO

Utilizador:
Password:
Ligar automaticamente:
» Registar
» Recuperar password
» Webmail
» Definir como página inicial

Publicidade

TEMPO EM AVEIRO


Inovanet
INOVAgest ®